• 30 jan 20

    Na medida em que os anos passam, os fios dos nossos cabelos vão perdendo a cor, ficando brancos. Mas, por que será que isso acontece? Na verdade, esse é um processo normal e esperado do envelhecimento do nosso organismo.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
    O processo funciona da seguinte maneira: nosso corpo possui milhões de folículos capilares que revestem nossa pele, sendo os responsáveis por fazer nascer cabelos e fornecer as células⠀que produzem uma substância química chamada “melanina” , que dá cor aos fios, pelos e pele. Com o tempo, a produção desses folículos diminuem, resultado na perda da pigmentação natural.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
    Agora, um outro aspecto importante é que há outros fatores que podem levar a mudança de cor das nossas madeixas, inclusive, antes de nos tornarmos idosos, ainda na adolescência e fase adulta.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
    Entre elas podemos citar:
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
    • Carência de vitaminas como B-6, B-12, biotina , vitamina D ou vitamina E
    • Tabagismo
    • Genética
    • Doenças autoimunes – como disfunção tireoideana
    • Estresse
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
    No caso do estresse, além de estudos que temos em nossa literatura médica, há um artigo que foi publicado recentemente na revista Nature, fruto da parceria entre brasileiros do Centro de Pesquisa em Doenças Inflamatórias (Crid), um Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão (Cepid) da Fapesp⠀sediado na Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da USP, e cientistas da Harvard University (Estados Unidos), que conduziram a pesquisa.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
    O grupo comprovou que essa conexão existe de fato e identificou alguns dos mecanismos envolvidos na despigmentação dos fios, tais como o estresse decorrente de dor ou de um grande trauma.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
    Segundo relatado pelo pesquisador brasileiro Thiago Cunha em entrevista à Agência FAPESP, ainda não se sabe se os achados da pesquisa terão, no futuro, alguma implicação estética, como o desenvolvimento de um fármaco capaz de impedir o embranquecimento do cabelo associado ao envelhecimento.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
    Confira a reportagem da Agência FAPESP aqui

     

Categorias